Mostra homenageia mulheres de Juiz de Fora

Por Eduardo Malvacini

Nas fotos de 160 mulheres que se destacaram em nossa cidade, a exposição Mulheres: Juiz de Fora – 160 anos deixa claro o espaço que vem sendo conquistado na sociedade pela mulher. Um dos critérios usados para compor a lista de homenageadas foi a diversidade de áreas de atuação. Como pondera a Assessora de relações públicas da Funalfa, Adriana Abrantes: “a ideia foi homenagear não só mulheres que se destacaram na carreira acadêmica ou política, mas também no cotidiano da cidade”. Segundo ela houve a preocupação de escolher pessoas que “mesmo no silêncio dos afazeres do seu dia-a-dia contribuíram para a construção da nossa cidade”.

O grande diferencial dessa exposição é uma árvore onde os visitantes podem colocar fotos ou deixar recados para as mulheres que queiram homenagear. Desta forma a exposição se modifica com o passar dos dias, cada vez com mais homenagens. Ainda segundo Adriana, “a interação com o público é sempre boa para que a arte não fique estática, e é ainda mais importante porque permite que o público seja ouvido”.

Foram vários os colaboradores da exposição, já que grande parte das fotos foram difíceis de serem encontradas, seja com parentes ainda vivos das homenageadas ou em arquivos de  pesquisadores e jornais da cidade. Adriana conta que houve uma época em que a equipe vivenciou uma “caça às fotos”.

Vildane, que visitava a mostra, adorou. Ela descobriu “muitas mulheres que nem sabia que eram daqui” e disse ainda que essa mostra deveria ser mais divulgada para que todos conhecessem o poder da mulher em nossa cidade, principalmente “aquelas que abriram caminho no mercado de trabalho e na política, como a primeira vereadora na década de 60 [Vera Faria] e a primeira motorista de ônibus da cidade [Vera Marques Bastos]”.

Aberta há quase uma semana, a mostra já foi visitada por mais de 300 pessoas. A exposição combina uma homenagem ao mês da mulher e aos 160 anos de Juiz de Fora, que serão completados em 31 de Maio. A visitação acontece, com entrada gratuita, no Espaço Alternativo do Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM) de terça a sexta-feira, das 9h às 21h, e aos sábados e domingos, das 10h às 16h.

Há quem diga que ainda faltaram muitas mulheres a serem homenageadas. Certamente a lista só pararia de crescer quando chegasse às quase 280 mil mulheres que fazem o dia-a-dia de nossa cidade. O melhor então é visitar à mostra e levar a foto da mãe, da avó, da tia, da sogra…

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Cultura e Arte

Uma resposta para “Mostra homenageia mulheres de Juiz de Fora

  1. Edson Vitor

    Eu mesmo quero agradescer mesmo as mulheres , elas sao fantastica nao so de corpo, mas atitude e organizacao, trabalhadores, dedicadas, superam ate nós os homens hoje em dia.

    Parabens a Elas por no tornarem feliz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s