Demlurb faz campanha de educação ambiental

Por Bárbara Schlaucher

 Em Juiz de Fora, cerca de 530 toneladas de lixo urbano são encaminhadas diariamente ao Aterro Sanitário de Salvaterra. Na cidade, a quantidade de resíduos sólidos produzidos em um dia pode chegar a 1 kg por pessoa.

O lixo deve ser acondicionado em sacos plásticos e estar disponível para coleta com, no máximo, duas horas de antecedência

Desde 2002, o Departamento Municipal de Limpeza Urbana (Demlurb) realiza a “Campanha Educativa nos Bairros”, com o objetivo de evitar o acúmulo de resíduos e conscientizar a população local quanto à forma correta de tratar o lixo. “A gente vai de casa em casa e conversa com os moradores. A primeira coisa que pedimos é para não colocarem o lixo fora do dia e do horário do caminhão passar na rua, porque isso é o que gera o maior problema. Se você coloca o seu lixo fora do dia, vem o seu vizinho e se acha no direito de colocar também”, alerta a coordenadora do Setor de Educação Ambiental do Demlurb, Simone Lopes. (Ouça na íntegra)

De acordo com a legislação municipal, os resíduos sólidos devem estar disponíveis para coleta com, no máximo, duas horas de antecedência. O não cumprimento deste dispositivo pode implicar em multa de R$ 200. Além disso, é muito importante que o lixo seja acondicionado em sacos plásticos. “Separe o seu material de coleta seletiva do seu lixo comum. É essa conscientização que a gente pede. Vamos ajudar não só ao Demlurb, mas ao meio ambiente e à população”, solicita Simone. (Ouça na íntegra)

 Ações em 2010

Panfleto da "Campanha Educativa nos Bairros"

Só neste ano, a equipe de conscientização do Demlurb passou por 20 bairros da cidade. Através de panfletos explicativos e orientações dadas aos moradores, o Demlurb espera combater o acúmulo de lixo e o mau cheiro nas vias públicas, além de prevenir a proliferação de doenças e de animais nocivos à saúde da população, como ratos, baratas e mosquitos. “Infelizmente, ainda não temos uma turma grande o suficiente para visitar todos os bairros e ruas da cidade. Geralmente, são os moradores que ligam para a gente, porque tem alguém na rua que está colocando o lixo fora do horário determinado. Então, marcamos pra fazer nosso trabalho naquele local”, explica Simone.

Segundo o Setor de Educação Ambiental do Demlurb, o bairro Granbery, que fica na região central de Juiz de Fora, é o que traz mais problemas em relação ao tratamento do lixo urbano. Mas, mesmo com a resistência de alguns cidadãos em adotar um comportamento consciente, Simone se mostra satisfeita com a campanha: “Em alguns bairros, a campanha gera um resultado bom. Nossa agenda está sempre cheia, a gente sempre é convidado a fazer palestras. Nossa atuação tem ajudado bastante”.

 

A dona de casa Sônia Maria de Paiva, moradora do bairro Manoel Honório, já recebeu a visita da equipe de conscientização do Demlurb em sua residência. Para ela, colaborar com o município é dever de todos. “Sempre respeitei rigorosamente as determinações do Demlurb. Coloco meu lixo na rua somente nos dias e horários em que o caminhão passa. Separo o material que pode ser reciclado para os dias de coleta seletiva ou doo para catadores. Seria muito bom pra cidade se todos fizessem o mesmo”, afirma Sônia.

A atuação dos funcionários e estagiários do Setor de Educação Ambiental do Demlurb não se limita aos bairros. Todo mês, a equipe promove palestras em escolas e empresas de Juiz de Fora. Nesta terça-feira, 15 de junho, a “Campanha Educativa nos Bairros” visita a rua São Sebastião, no Centro. Nos próximos dias a equipe passa pelos bairros Nova Benfica, na zona norte, e Santa Efigênia, na zona sul.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s