Ofertas de estágio apresentam sinais de recuperação em Juiz de Fora

por Randolfo Oliveira

O CIEEMG em Juiz de Fora funciona no prédio da Associação Comercial, na Praça da Estação

O mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e para os estudantes obterem a sonhada experiência, exigida como requisito por um grande número de empresas contratantes, a melhor oportunidade é através da realização de um estágio. Após a aprovação da nova lei do estágio em outubro de 2008, o número de posições oferecidas sofreu uma grande redução e, consequentemente, a contratação de estagiários chegou a cair quase 30% em 2009. Mas em 2010 os números apontam uma recuperação e as vagas ofertadas nos primeiros quatro meses do ano já são bem próximas daqueles de dois anos atrás. No primeiro quadrimestre desse ano, 6.567 estudantes foram colocados em estágio através do Centro de Integração Empresa-Escola (CIEEMG) na região da Zona da Mata Mineira. O número ainda é inferior àquele de 2008, quando 8.293 estudantes foram colocados em estágio, mas já é 13% maior se comparado ao mesmo período de 2009.

Para a supervisora do CIEEMG em Juiz de Fora, Célia Maria de Almeida Tellado, a redução no número de vagas em 2009 tem relação com a nova lei do estágio, já que é normal haver um período de adaptação a uma nova norma legal nas empresas. Mas outras questões, como a crise financeira internacional, também precisam ser levadas em consideração ao se analisar os números. Segundo ela, o período de final de ano é uma época em que geralmente o número de estudantes em estágio sofre uma redução, o que foi agravado por coincidir com a época em que foi implantada a nova legislação, em outubro de 2008. Mas o principal ponto a ser observado são as melhorias trazidas pela nova lei. OUÇA

Para o estudante do curso de administração de empresas da UFJF, Thiago Viana Corrêa, que faz estágio no Sebrae em Juiz de Fora desde maio de 2009, a nova lei do estágio trouxe inúmeros benefícios. “Agora os direitos dos estagiários estão mais claros para os estudantes, como o recesso remunerado coincidente com o período de férias da universidade e a redução da jornada de trabalho durante o período de provas. Apesar da burocratização do processo de contratação, acredito que é importante que a universidade tenha um controle mais rígido e, no final, os benefícios para os estudantes compensam isso”.

Célia concorda e acrescenta que a lei deu mais garantias aos estudantes. “Hoje não pode ser ultrapassada a jornada máxima de seis horas de estágio por dia, a não ser que seja um estágio obrigatório em que ele [o estudante] não esteja mais frequentando a faculdade, aí sim ele pode cumprir até oito horas de estágio por dia”, explica. OUÇA

A supervisora do CIEEMG acredita que o mais importante em um estágio, para o estudante, é adquirir experiência. “É casar o saber com o fazer. O mercado pede experiência. O mercado pede conhecimento. Não só teórico, mas na prática. E o estágio é um dos únicos caminhos que o estudante tem para obter essa tão requisitada experiência.” OUÇA Thiago tem a mesma visão de Célia e complementa. “O estágio traz não só a oportunidade de experimentar na prática o conhecimento obtido na sala de aula, mas também promove um amadurecimento e o desenvolvimento pessoal”, acredita o estudante.

Agora, com a economia estabilizada e passado o período de adaptação das empresas e instituições de ensino à nova lei de estágio, a tendência é que os números de 2010 sejam próximos aos de 2008. “Pelo número de estudantes em estágio do CIEEMG até a presente data, tudo indica que nós vamos superar 2008 e 2009. Nós já temos uma colocação de estagiários substancial, bastante expressiva, em 2010. Se não houver nenhuma recessão econômica que segure o país a gente tende a deslanchar”, finaliza Célia. OUÇA

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Economia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s