Diminuem os casos de dengue em JF, mas a situação ainda é alarmante

Por João Vitor Abreu

Água parada em pneu é possível foco de mosquitos da dengue

Apesar de o número de casos de dengue ter diminuido em Juiz de Fora em 2011, se comparado ao mesmo período do ano passado, a preocupação da população ainda é grande. A cidade contabiliza 321 ocorrências da doença. O número foi divulgado em março, pela Secretaria de Saúde do município, e é referente aos casos confirmados até a última semana do mês. Outros 147 estão em investigação. A quantidade é 77% menor do que a registrada em 2010, quando aconteceram 1.402 confirmações da doença.

De acordo com o agente de saúde, Ricardo Mendes, os números são bastante significativos para uma cidade que vem lutando contra a dengue ano a ano, mas não se pode relaxar. “A população precisa ter a consciência de que, se não prevenir a proliferação do mosquito Aedes aegypt, os casos de dengue vão aumentar. É necessário que as pessoas saibam que a luta contra o mosquito nunca vai acabar. É preciso ficar atento para não deixar garrafas e  pneus ao ar livre, caixas de água destampadas. Só assim  todo mundo vai estar protegido”, afirmou.

A moradora do bairro São Mateus, Juliana da Silva, admite que não toma os devidos cuidados contra a proliferação do mosquito, mas afirma que não só os moradores devem se conscientizar, mas também os governantes da cidade. “Eu admito que não sigo à risca todos os cuidados necessários para prevenir a dengue. Quando encontro garrafas jogadas no quintal eu retiro, mas não tenho a mesma preocupação com vasos de plantas e caixa d’água. Os políticos também têm uma parcela de culpa, pois o mal da saúde em todo Brasil é que não existe uma política de prevenção. Por isto, quando ocorre uma epidemia, os hospitais ficam superlotados, gerando um ciclo sem fim na saúde pública”

Secretaria de Saúde faz trabalho de pulverização contra mosquito da dengue

 A Secretaria de Saúde começou em abril a programação de pulverizações em 35 bairros da cidade, com o objetivo de reforçar o combate ao mosquito da dengue. Profissionais da Secretaria de Saúde orientam para que os moradores deixem portas e janelas abertas e para que não fiquem próximos a elas durante os trabalhos dos servidores. Pessoas com doenças respiratórias crônicas devem se manter longe do alcance dos equipamentos, e as gaiolas de passarinhos devem ser cobertas.

As visitas serão realizadas no período entre seis e dez horas da manhã e de três horas da tarde até as dez da noite e vão até o fim de maio.

Confira mais notícias sobre o combate a dengue em Juiz de Fora, aqui.

1 comentário

Arquivado em Cotidiano

Uma resposta para “Diminuem os casos de dengue em JF, mas a situação ainda é alarmante

  1. FERNANDO LUIZ DE PÉRCIA GOMES

    a dengue é muito mais séria do que se pensa! tem muita gente morrendo de dengue por aí. então, atenção!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s