Vai de táxi?

Lucas Oliveira – 20/10/2008

Quanto tempo você demora pra conseguir um táxi em Juiz de Fora? Os números desta resposta aumentam cada vez mais. Dias de chuva e durante os horários de pico, encontrar um táxi vazio nas ruas da cidade é praticamente impossível. Eventos como o Vestibular da UFJF, a aproximação do final do ano e a lei seca, são fatores que intensificam a busca pelo serviço.

Hoje existem 433 veículos em circulação. Esse número ainda é pouco para se adequar à Lei municipal 6.612/84, que prevê um táxi para cada mil habitantes. Com 520 mil habitantes a cidade deveria ter 87 novos veículos regularizados, mas a prefeitura vai conceder apenas 67 novas permissões para novos automóveis explorarem o serviço. Em matéria publicada na Tribuna de Minas, o prefeito José Eduardo Araújo justificou o número reduzido de concessões como forma de não prejudicar os taxistas em atividade.

Ainda assim a medida é polêmica e divide opiniões. Taxistas de um lado e a população de outro. Enquanto os primeiros temem pelo aumento da concorrência, os outros esperam por táxis vazios nas ruas. A prefeitura diz que o aumento será no mínimo de um carro em cada um dos 47 pontos de táxis da cidade, minimizando o impacto e garantindo também a renovação da frota, melhor para o usuário do serviço na cidade.

Pontos de Taxi - JF
Pontos de Taxi – JF

O conjunto de vantagens para quem quiser comprar um táxi pode reduzir cerca de 30% do valor quando comparado aos gastos de um carro normal. Os taxistas podem encontrar notícias sobre a profissão na web através da Folha do Motorista, um site com notícias voltadas para profissionais de todo o Brasil, inclusive os de Juiz de Fora.

Anúncios

2 Respostas para “Vai de táxi?

  1. William Ruhena

    A grande maioria dos motoristas de táxi de Juiz de Fora são absolutamente despreparados para prestar tal serviço à comunidade, desrespeitando os passageiros e abusando da confiança a eles imputada, se aproveitando de situações adversas ocorridas em seus veículos em benefício próprio, não levando em conta as consequências de seus atos abomináveis, como cantar mulheres que pegam o táxi, aumentar o percurso com passageiros incautos, etc. Enfim, deveria haver uma moralização da fiscalização e mais critério para a concessão da licença desses animais ao volante. Não adianta denunciar, reclamar e o que for. Parece-me assim que a GETRAN e a sociedade são absolutamente coniventes com este tipo de atitude desses marginais que se dizem “taxistas”.

  2. Pedro Gurgel

    Precisei de táxi no sábado a noite para uma corrida do centro até no La Rocca e tive que esperar bastante.O que me chamou a atenção depois disso foi o seguinte:Notei que eles dirigiam muito devagar.Será que é algum artifício para se pagar mais?A gente sabe que é cobrado por Km rodado mas parece que a bandeirada ainda mais rápido do o próprio taxi.Alguém sabria informar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s