Demora no pagamento das bolsas irrita estudantes da UFJF

Mariana Franzini 25-03-09
 

Há três meses o pagamento de bolsas à estudantes é feito com atraso
Há três meses o pagamento de bolsas à estudantes é feito com atraso

              O atraso no pagamento das bolsas da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) tem se tornado um grande inconveniente na vida dos estudantes. Desde dezembro do ano passado o embolso por projetos, como de Treinamento Profissional, Extensão e Apoio Estudantil tem ultrapassado o quinto dia útil, data prevista para a instituição efetuar o depósito.

Em março, os bolsistas tiveram uma demora em média de 10 dias para o pagamento. Muitos destes alunos dependem dos R$ 200 pagos pela Universidade para custear gastos com moradia, alimentação e transporte. Rafael Silva, estudante de Comunicação Social, é bolsista de Treinamento Profissional há dois semestres e se diz lesado com os freqüentes atrasos. “Há um dia específico para o recebimento das bolsas. Nós, bolsistas, temos compromissos e contas a pagar, quando não recebemos em um dia fixo ficamos reféns dos juros altíssimos que os bancos cobram”, reclama.

Rafael Silva reclama da negligência com os bolsistas

Rafael Silva reclama da negligência com os bolsistas

Nesse ciclo vicioso são os estudantes os mais prejudicados. “Faz três meses que não depositam a bolsa na data prevista. A Universidade diz que esse atraso é parte de uma cadeia burocrática. O que precisamos é de uma confirmação, de uma data certa de pagamento para nos organizar”, revolta-se Marcelo Filho, bolsista e estudante do 5º período de Química.

A situação torna-se ainda mais preocupante porque o atraso afeta também os alunos que participam do Apoio Estudantil. Divido em quatro modalidades – manutenção, moradia, transporte e alimentação – o programa atende aqueles que necessitam de ajuda extra para se manter estudando. Alunos como a graduanda de História, Carine Silva, que por ser natural de Bicas (MG) recebe o auxílio de moradia para custear sua estadia em Juiz de Fora. Ouça aqui a entrevista com Carine.

Todas as bolsas institucionais sofreram o atraso – projetos de pesquisa como PROBIC (financiado pela FAPEMIG) e PIBIC (CNPq) não foram atingidos já que essa verba provém de outras fontes. Em nota oficial divulgada no site da UFJF no dia 13 de março, a Pró-Reitoria de Finanças explica que o atraso é resultado de problemas no sistema da Secretaria de Planejamento e Orçamento, o que gerou a demora no repasse de verbas federais para a instituição. Até o momento do fechamento desta matéria não foi possível contactar a Pró-Reitoria.

3 Respostas para “Demora no pagamento das bolsas irrita estudantes da UFJF

  1. Pingback: Destaques da Edição de 25/03 a 31/03 « Juiz de Fora Online

  2. kalicasati

    Muito boa a matéria! De fato o atraso nos pagamentos tem complicado a vida de nós bolsistas. Aqueles que não são de Juiz de Fora em especial tem sofrido bastante.

  3. henriquevale

    alguém aí me empresta $200 até dia 20?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s