Facom discute redistribuição de vagas

Gihana Fava – 27/05/2009

O Diretório Acadêmico Wladimir Herzog organizou um plebiscito, nos dias 21 e 22 de maio, para que os alunos da Faculdade de Comunicação Social da UFJF opinassem se eram contra ou a favor à redistribuição de vagas no curso. Com 85 votos contra, cinco a favor e apenas um voto nulo, os universitários disseram não ao modelo discutido em uma reunião de Congregação da Facom, como mostra a tabela abaixo:

gráfico hiper

A diretora da faculdade, Marise Mendes, explica que essa discussão ocorre desde o ano passado, mas não há nada definido por enquanto. “Estamos repensando a estrutura da faculdade. Desde a criação do curso noturno no ano de 2.000, foram prometidos novos professores que nunca vieram, o remanejamento seria para acharmos um equilíbrio”, afirma.

Alunos participam de plebiscito. Maioria foi contra a redistribuição de vagas.

Alunos participam de plebiscito. Maioria foi contra a redistribuição de vagas.

A iniciativa de promover o plebiscito foi do próprio D.A., que ocupa seis cadeiras na reunião da Congregação da Facom, da qual participam também professores e funcionários. Além da votação ajudar a informar os alunos das discussões ocorridas, o D.A. possui um blog em que expõe os prós e contras da redistribuição de vagas e se posiciona contra. “Organizamos essa consulta informal para reafirmar nossa postura”, diz Rodrigo Souza, um dos integrantes do diretório.

 

Equipamentos e novos professores como  solução

Um dos argumentos contra esse remanejamento é o de que a faculdade não possui disponibilidade de equipamentos para todos os alunos e com o conseqüente aumento de estudantes por turma, isso se agravaria. Marise garante que caso as mudanças sejam aprovadas, essa questão seria repensada: “A infra-estrutura também seria mexida, mas em 2.010”.

Outro integrante do D.A., Pedro Nogueira, esclarece que a principal solução está em contratar novos professores: “Para o D.A., o problema é a falta de professores. Não podemos concordar com redução de vagas”.

 

Leia também:

Nova discussão: Facom estuda criar outra habilitação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s